Vol. 23 N.º 2 (2019): Revista Científica Pensar Enfermagem
Artigos de revisão

Ambiente de prática de enfermagem e a satisfação dos enfermeiros em contexto hospitalar: uma revisão scoping

Jun Chen
Enfermeira, Mestre em Enfermagem, na área de especialização de Gestão em Enfermagem, Unidade de Investigação e Desenvolvimento em Enfermagem (UI&DE) da Escola Superior de Enfermagem de Lisboa, Portugal.
Teresa Ramalhal
Professora Adjunta na Escola Superior de Enfermagem de Lisboa, Mestre em Psicologia Social e Organizacional. Área de Especialização em Cognição Social, Unidade de Investigação e Desenvolvimento em Enfermagem (UI&DE) da Escola Superior de Enfermagem de Lisboa, Portugal.
Pedro Bernardes Lucas
Professor Adjunto na Escola Superior de Enfermagem de Lisboa, Doutor em Psicologia, na área de especialização de Psicologia Clínica e da Saúde, Unidade de Investigação e Desenvolvimento em Enfermagem (UI&DE) da Escola Superior de Enfermagem de Lisboa, Portugal

Publicado 30-01-2020

Palavras-chave

  • Ambiente de prática de enfermagem,
  • Satisfação profissional,
  • Revisão Scoping

Como Citar

Chen, J., Ramalhal, T., & Bernardes Lucas, P. . (2020). Ambiente de prática de enfermagem e a satisfação dos enfermeiros em contexto hospitalar: uma revisão scoping. Pensar Enfermagem - Revista Científica | Journal of Nursing, 23(2), 29–42. Obtido de https://pensarenfermagem.esel.pt/index.php/esel/article/view/161

Resumo

Problemática: A evidência documenta a relação entre o ambiente de prática de enfermagem, a satisfação dos enfermeiros, a satisfação dos utentes e a qualidade dos cuidados de enfermagem. O ambiente de prática de enfermagem, positivo, aumenta os níveis de satisfação no trabalho e a retenção de recursos humanos. Sendo que, os próprios enfermeiros desempenham um papel crucial na criação de ambientes positivos. Objetivo: Mapear e analisar a evidência científica sobre o ambiente da prática de enfermagem e a satisfação dos enfermeiros em contexto hospitalar. Critérios de inclusão: Participantes: Enfermeiros. Conceito: Ambiente de prática de enfermagem e satisfação profissional. Contexto: Hospitalar Estratégia de pesquisa: Revisão scoping onde se utilizou a metodologia proposta pelo Joanna Briggs Institute, seguindo as 3 etapas de pesquisa: 1) Uma pesquisa inicial na CINHAL e MEDLINE; 2) Uma pesquisa mais alargada, utilizando as mesmas palavras-chave e termos de pesquisa, nas restantes bases de dados da plataforma EBSCOHost; 3) Pesquisa nas referências bibliográficas dos artigos selecionados. Definiu-se o período temporal entre 2011 e 2016. Apresentação dos resultados: Os 12 estudos selecionados apresentam relação entre o ambiente de prática de enfermagem, a satisfação dos enfermeiros e dos utentes e a qualidade dos cuidados. Os fatores mais frequentes da insatisfação dos enfermeiros são: elevados níveis de burnout, insatisfação com o trabalho, salário e a intenção de sair. Um ambiente de prática de enfermagem, positivo, aumenta os níveis de satisfação e a intenção dos enfermeiros em permanecer nas instituições/organizações. Discussão e Conclusão: Os resultados demonstram que uma equipa de enfermagem estável está associada a perceções favoráveis dos fatores do ambiente de prática de enfermagem, carga de trabalho adequada, autonomia para tomar decisões e baixos níveis de burnout. 

Downloads

Não há dados estatísticos.