Vol. 23 N.º 2 (2019): Revista Científica Pensar Enfermagem
Artigos de revisão

Otimizar a comunicação da pessoa com cancro da laringe, submetida a laringectomia total – intervenções de enfermagem no período peri-operatório: scoping review

Ana Inês de Almeida Frade
Enfermeira, Doutoranda em Enfermagem; Mestrado em Enfermagem, área de Especialização em Enfermagem Médico-Cirúrgica, área de intervenção em Enfermagem Oncológica, Instituto Português de Oncologia de Lisboa, Francisco Gentil, EPE; Serviço de Cirurgia de Cabeça e Pescoço, Otorrinolaringologia e Endocrinologia
Susana Sofia Abreu Miguel
Enfermeira Graduada, Estudante do Doutoramento; Mestre em Gestão de Serviços de Saúde; Especialista em Enfermagem Médico-cirúrgica, Instituto Português de Oncologia de Lisboa, Francisco Gentil, EPE; Serviço de Cirurgia de Cabeça e Pescoço, Otorrinolaringologia e Endocrinologia
Óscar Manuel Ramos Ferreira
Professor Adjunto/Investigador ui&de, Doutor em Educação/História da Educação, Escola Superior de Enfermagem de Lisboa; Polo Gulbenkian; Departamento de Fundamentos de Enfermagem

Publicado 30-01-2020

Palavras-chave

  • cancro da laringe,
  • comunicação comprometida,
  • estratégias alternativas e/ou aumentativas de comunicação,
  • intervenções de enfermagem,
  • laringectomia total

Como Citar

de Almeida Frade, A. I., Abreu Miguel, S. S., & Ramos Ferreira, Óscar M. (2020). Otimizar a comunicação da pessoa com cancro da laringe, submetida a laringectomia total – intervenções de enfermagem no período peri-operatório: scoping review. Pensar Enfermagem - Revista Científica | Journal of Nursing, 23(2), 43–56. Obtido de https://pensarenfermagem.esel.pt/index.php/esel/article/view/162

Resumo

Enquadramento: A pessoa submetida a laringectomia total sofre uma perda abruta da sua capacidade de comunicar oralmente, como consequência da ausência de voz laríngea para falar, resultante da completa ablação da laringe. Para além de ter a sua comunicação limitada com os demais, o que por si só tem um profundo impacto, a pessoa vê limitada a sua capacidade para comunicar sintomas, expressar as suas necessidades e sentimentos, questionar ou solicitar cuidados, o que interfere, entre outros aspetos, com a qualidade e segurança dos cuidados prestados. Objetivo: identificar a evidência científica disponível na literatura sobre as intervenções promotoras de uma comunicação eficaz, da pessoa submetida a Laringectomia Total, no período peri-operatório. Metodologia: Foi efetuada uma Scoping Review que seguiu protocolo preconizado pelo Joanna Briggs Institute e que teve por base a questão de pesquisa “Quais as intervenções de enfermagem promotoras da comunicação eficaz da pessoa com cancro da laringe, submetida a laringectomia total, no período peri-operatório?” Foi realizada pesquisa nas bases de dados eletrónicas CINAHL® e MEDLINE® entre 1 a 16 de fevereiro de 2019. Foram incluídos artigos de estudos primários, estudos de caso, teóricos e revisões da literatura, em inglês, espanhol e português, publicados entre 2000 e 2019. Resultados: Foram identificados 20 artigos publicados entre 2000 e 2019. Conclusões: Esta Scoping Review permitiu responder à pergunta de pesquisa inicial, identificando uma grande variedade de intervenções direcionadas para a otimização da comunicação da pessoa laringectomizada ou que podem ser adaptadas a estas pessoas. A utilização da mimica labial; gestos; sinais; expressões faciais, bem como a escrita foram as estratégias mais vezes mencionadas, seguidos da utilização de perguntas simples e do uso de dispositivos geradores de fala. As condições ambientais; as competências dos profissionais de saúde; a incorporação da família e a prestação de apoio emocional emergiram como condições e recursos para o cuidado otimizador da comunicação. 

Downloads

Não há dados estatísticos.