Vol. 15 N.º 2 (2011): Revista Científica Pensar Enfermagem
Artigos de revisão

Efeito dos campos terapêuticos na funcionalidade, autoestima, autoconceito e autoeficácia da criança e do adolescente com incapacidade e/ou doença crónica: uma revisão sistemática da literatura

Maria Isabel Dias da Costa Malheiro
Escola Superior de Enfermagem de Lisboa

Publicado 31-12-2011

Palavras-chave

  • criança,
  • adolescente,
  • campos terapêuticos,
  • intervenção de enfermagem,
  • funcionalidade,
  • acitividades de vida diária,
  • incapacidade,
  • doença crónica
  • ...Mais
    Menos

Como Citar

Dias da Costa Malheiro, M. I. (2011). Efeito dos campos terapêuticos na funcionalidade, autoestima, autoconceito e autoeficácia da criança e do adolescente com incapacidade e/ou doença crónica: uma revisão sistemática da literatura. Pensar Enfermagem - Revista Científica | Journal of Nursing, 15(2), 26–40. Obtido de https://pensarenfermagem.esel.pt/index.php/esel/article/view/57

Resumo

É consensual que a incapacidade e a doença crónica têm efeitos negativos na saúde relacionados com a funcionalidade. Nestes últimos anos os campos especializados “Summer Camps” ou “Therapeutic Camps” têm baseado largamente os seus programas na premissa da recreação terapêutica e emergiram como uma forma de intervenção com crianças portadoras de condição crónica de saúde. Apesar destes campos terem vindo a proliferar particularmente na Europa, a avaliação sistemática da sua eficácia tem sido descurada. O objectivo deste estudo é fazer uma revisão sistemática da literatura que procura avaliar os efeitos dos campos na funcionalidade das crianças e jovens com incapacidade e/ou doença crónica. Dez estudos que avaliam o efeito/eficácia em campos terapêuticos constituíram o corpus para a análise. Os resultados demonstram que estes campos são extremamente importantes e têm efeitos significativamente positivos para crianças e jovens com necessidades especiais nos domínios da funcionalidade nas actividades de vida diária, autoestima e autoeficácia. Estes campos podem constituir espaços de excelência para a intervenção de enfermagem na área da reabilitação e promoção da saúde, adesão e gestão ao regime terapêutico e assim contribuir para uma melhoria na qualidade de vida destas crianças.

Downloads

Não há dados estatísticos.